Top Menu

lm04

Certas pessoas consideram a tristeza e a melancolia como coisas boas, e não ruins – e sim, sou uma destas pessoas. Laura Makabresku também.

Ela é uma fotógrafa de 26 anos que reside na Polônia e diz que suas fotos são contos-de-fada que ela cria dentro de sua cabeça, com o objetivo de expressar suas ansiedades e tristezas, transformando-as em coisas bonitas. Suas fotos são bastante íntimas (muitas delas tem seu namorado e cenas do casal) mas não sentimos como se estivéssemos invadindo o mundo dela – ao contrário, as fotos são como um convite, bem delicado.

Ao ver as fotos, percebemos que elas são muito doloridas. Lindas, mas doloridas.

Seu nome verdadeiro é Laura Kamila Kansy. Ela costuma dizer que “Laura” é seu lado mais dark e melancólico, enquanto “Kamila” é seu lado alegre e solar. Não é á toa que ela escolheu a Laura como personificação de sua fotografia (a mim, ela parece ser muito mais interessante do que a Kamila!). O sobrenome Makabresku foi inventado por ela mesma, com a intenção de dar-lhe uma aura fantástica e rude, ao mesmo tempo.

lm01

lm03

lm05

lm06

lm07

lm08

lm09

Além das fotos, Laura também escreve poemas eróticos. Infelizmente, ela não os divulga.

O que acho mais lindo em Laura é que ela transformou esta dualidade dela em arte. Dualidade esta que, aliás, chama-se esquizofrenia. Laura tem esta doença e, por isso, não tem contato com muitas pessoas em seu dia-a-dia, tampouco costuma falar sobre o assunto. E, quer saber? Nem precisa. Sua arte diz mais que muitas palavras. E a cura de muitas doenças, com certeza, vem através da Arte.

Confira mais fotos dela: Flickr | Site


- TOP OFERTAS -


- PUBLICIDADE -


About The Author

Quase trinta anos, psicóloga de formação, mas escritora de coração. Procuro os detalhes da vida que passam desapercebidos e as bonitezas que ninguém vê. Faço perguntas incômodas porque gosto de uma boa reflexão. Não caminho pelos lugares-comuns e, quando o faço, faço com convicção. Imagino, sonho e penso demais. Falo pouco, mas quando falo, por favor preste atenção.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Close