Top Menu

n01

*Nishe, apelido de Magdalena Lutek, é uma fotógrafa polonesa de 29 anos. Ela costuma fotografar cenários caseiros, com personagens principais femininas e bastante delicadas, com aparência frágil, porém, muito sensual. Algumas de suas fotos incluem uma nudez leve e sensível, que não agride aos olhos e tampouco sugere uma sexualidade muito invasiva. São sempre retratos sutis com feminilidade, subjetividade e um certo romantismo.

No começo, ela fotografava com uma câmera de seu pai, aos 15 anos, e somente auto-retratos. Com o tempo e a evolução do seu trabalho, ela começou a fotografar modelos. Atualmente, ela escolhe modelos que sejam artistas (escritoras, atrizes, poetisas, etc) pois considera que, sendo artistas, elas entendem melhor os sentimentos e as palavras que ela quer expressar com aquela determinada foto. Ela também prefere modelos com cabelos compridos, sardas, mãos delicadas e aspecto frágil (o que é bem óbvio quando vemos suas fotos, na verdade).

O que mais gosto na fotografia de *Nishe é o recorte que ela faz em cada cena, capturando pedacinhos do cenário total e focando somente uma parte do todo, como se aquele teco fosse o mais importante a ser visto e sentido naquele momento.

Outro ponto característico da sua fotografia é a presença constante de natureza pois, segundo *Nishe, existem certos elementos na natureza que despertam sentimentos nela que mais nada é capaz de fazer.

Fotógrafos que me inspiram: *Nishe

Fotógrafos que me inspiram: *Nishe

Fotógrafos que me inspiram: *Nishe

n06Fotógrafos que me inspiram: *Nishe

Fotógrafos que me inspiram: *Nishe

Fotógrafos que me inspiram: *Nishe

Fotógrafos que me inspiram: *Nishe

*Nishe não me parece ser uma pessoa triste ou torturada, como Laura Makabresku do meu post anterior, e sim, alguém que vê o mundo com uma delicadeza e uma melancolia muito próprias, como se a parte principal da vida fosse uma mulher bonita, séria e florida.

Para ver mais fotos dela:
Flickr | Tumblr | Site pessoal


- TOP OFERTAS -


- PUBLICIDADE -


About The Author

Quase trinta anos, psicóloga de formação, mas escritora de coração. Procuro os detalhes da vida que passam desapercebidos e as bonitezas que ninguém vê. Faço perguntas incômodas porque gosto de uma boa reflexão. Não caminho pelos lugares-comuns e, quando o faço, faço com convicção. Imagino, sonho e penso demais. Falo pouco, mas quando falo, por favor preste atenção.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Close